REPRESENTAÇÃO TRIDIMENSIONAL CROMÁTICA E SISTEMA DE CÓDIGO DE CORES PARA PESSOAS CEGAS, DALTÔNICAS E COM BAIXA VISÃO

O que é

A presente invenção apresenta um sistema de código de leitura de cores destinado às pessoas cegas e com baixa visão, pertencendo ao setor de linguagem/comunicação. Este sistema foi desenvolvido para proporcionar a identificação das cores às pessoas com deficiência visual de uma forma simplificada, com possibilidade de aplicação em pequenas dimensões e numa linguagem universal.

O sistema é composto por elementos físicos (triângulos cromáticos) e um conjunto de símbolos em relevo, objetivando a acessibilidade das cores dos objetos através do contato tátil. Estes códigos podem ser impressos diretamente sobre objetos, obras de arte, etiquetas, embalagens ou colados em etiquetas sobre os produtos dos diversos materiais, tais como plásticos, acrílicos, vidros, madeiras, metais, cerâmicas, pedras, papéis, couro, materiais orgânicos, bordados em tecidos, a fim de serem aplicados em roupas (vestimentas, roupas de cama, de banho, estofados, sapatos, acessórios em geral).

Benefícios / Vantagens

  • Acessibilidade das cores;

  • Independência;

  • Autonomia;

  • Inclusão social;

  • Autoestima;

  • Qualidade de vida.

Disponível para

Licenciada – Com exclusividade

INFORMAÇÕES DA PATENTE

NÚMERO: BR1020170181740

STATUS: Depositada em 24/08/2017

TITULARES: Universidade Federal do Paraná e Universidade do Estado de Santa Catarina

AUTORES: Sandra Regina Marchi, Maria Lucia Leite Ribeiro Okimoto, Milton José Cinelli, Ramón Sigifredo Cortés Paredes e Guilherme Ribeiro Lemos Molini

CLASSIFICAÇÃO INPI: G – Física

PALAVRAS-CHAVE: Pessoas cegas, Deficiência visual, Representação tridimensional cromática.

Rolar para o topo